INSTITUCIONAL

O IHGMS viveu nestes dois últimos anos um processo de transição e de renovação nas suas estruturas e conceitos.
O poder público foi marcante nas parcerias ou na ausência das mesmas. O governo municipal, que tem renovado o Convênio de Cooperação Técnica ainda mantendo a cedência de dois professores, o mesmo com a Assembleia Legislativa de MS, que nos cede uma funcionária, sem os quais não teríamos condições de funcionar.
Mesmo com todas as deficiências de pessoal, o IHGMS tem produzido muito e igualmente atendido uma demanda cada vez maior de pesquisadores.
Atendemos pesquisadores de muitas universidades como,  UFMS, UCDB, UFGD, Universidade Federal de São Carlos, Unicamp Bauru, USP, UEMS, Unigran, dentre outras instituições nas mais variadas áreas do conhecimento.
Além desses pesquisadores que visitam o IHGMS, à procura de informações para a realização de seus trabalhos acadêmicos, há de se ressaltar o número significativo de pessoas que tem buscado, em nosso Instituto, uma alternativa para a publicação de suas obras ou, pelo menos, uma orientação para esse fim.
Escolas de nível médio e fundamental podem contar com palestras e visitas guiadas nas dependências do IHGMS.
Em parceria com a Secretaria Municipal de Educação, o IHGMS colabora na formação de professores na área de História e Geografia Regional.
Também, juntamente com o IPHAN – Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional , onde o IHGMS tem ministrado Oficinas de Conservação e Salvaguarda de Documentos em Campo Grande e Ponta Porã, com um número expressivo de participantes, inclusive com cadastro de espera para futuros cursos em outros munícipios do nosso Estado.
No campo editorial, o acervo que leva a chancela do Instituto já ultrapassa o volume de 120 livros, com títulos mais variados e disponíveis à aquisição e também rico acervo sobre a história e geografia regional para consulta em nossas dependências.
O IHGMS faz a salvaguarda de acervos importantes como:
Vespasiano Barbosa Martins, Otávio Guizzo, Kerman Machado, Jardel Barcellos, Francisco Leal de Queiróz, Hildebrando Campestrini, entre tantos documentos de personagens que contribuíram para a formação histórica do MS.
O acervo de periódicos – hemeroteca conta com mais de 150 mil imagens de jornais que datam de 1927, todos digitalizados e a disposição.
 

67 3384-1654 Av. Calógeras, 3000 - Centro, Campo Grande - MS, 79002-004 ┃ SEG à SEX dás 13hs até 17hs

Site Desenvolvido por: